terça-feira, 25 de agosto de 2015

EM LAGOA GRANDE DO MARANHÃO TEMOS GOVERNO OU DESGOVERNO?

Com a palavra vocês leitores, nossa ilustríssima e digníssima gestão ( Prefeito e Vereadores), representantes da nossa sofrida, determinada, mas acima de tudo, esperançosa e batalhadora população Lagoagrandense. 


Novo Hospital ( mais de dois anos em construção e até o momento não foi inaugurado, já tem paredes com rachaduras)
 Fato é que nosso município vem atravessando uma fase negra com problemas e mais problemas que parece não ter fim, pois pra cada canto que vamos, lá estão eles, presentes (e como estão) parecendo nos aguardar.

 São tantos problemas que fica difícil até de enumerar, pois afetam praticamente todas as áreas, como educação, segurança pública, , prestadores de serviços ( luz, telefonia fixa e móvel, internet), obras intermináveis, inacabadas, abandonadas e muitas outras, mas não podemos deixar de destacar como principal, a saúde, que já há bastante tempo vem se arrastando e praticamente encontra-se na U.T.I.

 A população sofre a cada dia mais sem perspectiva (pelo menos de imediato) de um futuro melhor pra nossa querida e amada Lagoa Grande do Maranhão. Como já foi citado, são inúmeros os problemas que assolam o município, mas o que mais deixa a desejar sem sombra de dúvida é a saúde, já que a grande maioria absoluta de nossa população depende dos atendimentos, acompanhamentos médicos, consultas e exames na rede pública e não encontram, pois embora os esforços do governo municipal com constantes mudanças no comando, quando pensamos que a saúde vai começar a caminhar de encontro ao povo, ela dá um passo pra frente e em seguida dois pra trás, distanciando cada vez mais. Infelizmente está é nossa triste realidade.


 Outros problemas não tão importante quanto a saúde, mas fundamental no dia a dia pra população que também deixa muito a desejar é a infraestrutura de nossas vias que  à muito tempo vem se acabando (buracos pra todo lado),a falta de iluminação pública,a falta de água em alguns bairros, limpeza pública,cortes de funcionários contratados,bloqueio dos cartões do bolsa família (por não  conseguirem recadastrar devido o mau funcionamento da internet) e entre outros 

 Infelizmente são muitos os problemas e o mais recente que esta infernizando e deteriorando a paciência de muitos moradores em diversos pontos do município é a constante falta d’água , pois é um problema que já se arrasta há muito tempo, em especial no período de verão, pois embora o município tenha uma fartura de água.
Nesta questão certamente faltou planejamento na captação e distribuição deste bem tão precioso, pois nossa população cresceu e com isso os problemas aumentaram, mas nunca é tarde pra se buscar uma solução, senão pra solucionar de vez o problema, pelo menos pra amenizar bastante o sofrimento da população.
 

 Os primeiros meses do novo ano praticamente se foram e os fatos estão aí, vamos cobrar pacificamente de nossas autoridades em todos os âmbitos, mais empenho, dedicação, envolvimento e principalmente determinação nas buscas de soluções em prol da população.

 Que nossos representantes esqueçam um pouco da política e dos interesses próprios e lembrem-se mais do povo que os elegeu e que pagam seus salários.

IMAGENS DA NOSSA QUERIDA LAGOA GRANDE DO MARANHÃO:
Entrada de Lagoa Grande do Maranhão


Av. principal (centro)
                                     

Av. principal (centro)

Rua da Mangueira



Aqui existia uma praça e foi demolida 



 

Centro da cidade: essa poeira que aparece na direção da torre é da praça que foi destruída, para construção de outra, moradores próximos reclamam da constante poeira. 
Centro da cidade
                                     

Av. Principal, enfrente ao antigo Hospital


Conjunto HJP

Av. Principal sentido Centro


Bairro Mutirão



Rua do Campo

Rua do Campo
Rua do Campo

Entrada para o açude 




Rua do Sol

Rua do SOL



Rua 2 irmãos

Rua do Gavião ( falta iluminação pública e manutenção nos canos que abastecem água)

Rua do Sol

Rua do Sol

Mutirão

Mutirão

Mutirão

Mercado Municipal, demorou quase 6 anos para ser construído e reinaugurado